quinta-feira, 9 de abril de 2015

Atos criminosos contra a cultura negra no R.S.

Por Erick Wolff
09/04/15

(Errata) 

Templo da ìyá Re
A data de 08/04/2015, em Porto Alegre foi o marcada por algumas perseguições de cunho santo,  dois atos criminosos contra a tradição afro-brasileira, uma das vitimas foi um terreiro de tradição Òrìsàísta, o templo da Ìyálòrìsà Cleuza de Odé, do Bairro Rubem Berta, no Parque dos Maia, o templo foi totalmente queimado, após atearem fogo criminosamente, e neste mesmo dia queimaram uma imagem de Yemanjá em outra localidade, ainda não obtivermos informações sobre a Santa.
Imagem queimada
 
 
 
Nesta mesma data havia uma manifestação contra o projeto de Lei 019/15, que visa proibir o Abate de animais em rituais Afro-brasileiros, percebam que o foco são apenas as religiões de Africanas, num estado ao qual o churrasco é a tradição Gastronômica, chega a parecer irônico, mas na verdade esta lei é uma perseguição religiosa insuflada por religiosos evangélicos, que não aceitam que o culto de Matriz Africana, seja praticado, e querem transformar o Brasil num país regido pela Bíblia, acabando com o estado Laico. 

 
 
Aguardamos as investigações da policia, para acusar os culpados.
 
 
Errata - Informamos anteriormente que foi o templo da Ìyálòrìsà Re Silva, no entanto, ao entrarmos em contato com a Ìyálòrìsà, ela nos informou que foi a sua vizinha, e que foi Ìyá Rê de Oyá quem mobilizou a vizinhança e socorreu a pobre  Ìyálòrìsà e família, e graças a Rê, não houve uma tragédia maior, ela também nos informou que o fogo foi ateado por religiosos evangélicos da vizinhança. 
Fonte - Ìyálòrìsà Re Silva (https://www.facebook.com/rede.oya.7)

Nenhum comentário:

Postar um comentário